terça-feira, 19 de agosto de 2014



Piên é uma cidade mágica! Poderia se dizer "Mundo de Piên", por que neste lugar tudo pode acontecer.
Tal qual o Sítio do Pica-Pau Amarelo de Monteiro Lobato ou no mundo dos Irmãos Grimm, ou ainda, na cidade de Amelin, os contos do Piên são igualmente mágicos, encantadores e passíveis de crença. Ingênua, em sua forma mais natural e pura, quando um "pienense" nos conta seu ocorrido, sua experiência, ou sua visão fantástica, ele nos prova com todas as letras, com todos os verbos, e com toda sua paixão, que é verdade! Jamais, em hipótese alguma, nunca em tua vida, ria duvidando ou fazendo pouco caso deles (moradores de Piên). Pois ao contar seus contos, eles choram, eles riem, eles ficam bravos e furiosos. “Eles te convencem de fato”! Digo ainda mais, eles te levam ao lugar do ocorrido para realmente provar o fato. Seguram objetos, prova fiel nas mãos brandindo-os enquanto narram com eloqüência e ferocidade. Muitos e muitas deles falam de entes queridos, vizinhos, pais, mães, filhos que tiveram envolvimento direto com o fantástico.
Vale aqui um conselho: "Respeite ao ouvir". Porque se você não crer, pelo menos considere que está falando com quem realmente crê. E se estiver vagando por estas bandas, fique bem atento, fique bem atenta, pois de uma maneira ou de outra vai acontecer com você também!

Con te vi!

Nenhum comentário:

Postar um comentário